Coca-Cola adota plástico 100% reciclável para as suas garrafas de água

A partir de outubro, a Coca-Cola Brasil inicia a substituição de garrafas de água mineral da marca Crystal produzidas a partir de matéria-prima virgem por embalagens inteiramente fabricadas com plástico reciclado. A mudança vai abranger 400 milhões de garrafas ao longo de 12 meses. Isso signifca que deixarão de ser consumidas 8 mil toneladas de resina de PET virgem por ano. A meta da companhia é ter toda a produção da Crystal no Brasil – cerca de 700 milhões unidades por ano – envasada em garrafas de plástico reciclado em no máximo dois anos.

Peru e México, por exemplo, já operam com garrafas da Crystal 100% recicladas. Só que vender água mineral em garrafas feitas de resina plástica completamente reciclada está longe de ser tarefa trivial no Brasil. Até maio deste ano, uma norma técnica federal determinava que garrafões, garrafas e copinhos de água mineral deveriam ser fabricados apenas a partir de resinas virgens. Além disso, a resina de PET reciclada era, inicialmente, de 15% a 20% mais cara do que a matéria-prima virgem.

Longe de ser uma iniciativa isolada, a transição da Crystal rumo às embalagens fabricadas a partir de matéria-prima reciclada é parte de uma meta global da Coca-Cola divulgada em 2018. A companhia planeja chegar a 2030 coletando e reciclando material equivalente a 100% das latas e garrafas vendidas a cada dia.

Fonte: http://portalamis.org.br/plus/modulos/noticias/ler.php?cdnoticia=2021